Conheça um pouco mais sobre a BioBlitz Morro de Osório 2017

Como parte das ações comemorativas à Semana do Meio Ambiente de 2017, a Universidade Estadual do Rio Grande do Sul, em conjunto com o Diretório Acadêmico da Biologia Marinha, está planejando a realização de uma BioBlitz no Morro da Borússia, em Osório.

O que é uma BioBlitz?
BioBlitz é um levantamento rápido de espécies que ocorrem em uma área dentro de um período de tempo preestabelecido. O diferencial é que esse levantamento não é realizado apenas por pesquisadores e especialistas, mas conta também com a participação do público em geral. A ideia é exatamente proporcionar a oportunidade para as pessoas aprenderem e compartilharem seu conhecimento sobre a biodiversidade.

A origem do evento
A primeira BioBlitz foi realizada em 1996 em um Parque Natural (Kenilworth Aquatic Gardens, Washington, D.C.) nos Estados Unidos. Na ocasião, um grupo de pesquisadores e voluntários identificou cerca de 1.000 espécies no local em um único dia. Desde então, este tipo de evento vem sendo realizado em vários locais do mundo, com o objetivo tanto de conhecer a biodiversidade que existe em uma região quanto de popularizar a ciência, usualmente distante do público em geral.

Por que uma BioBlitz no Morro de Osório?
O Morro da Osório é uma unidade de conservação, de uso sustentável, criada pelo município em 1994 (Lei no. 2665/94) e que abriga uma importante mancha de Mata Atlântica. Apesar de alguns estudos prévios, existe ainda uma carência de informações sobre a diversidade do local e, principalmente, um desconhecimento da importância dessa área pela população em geral.

Como será feito o levantamento no Morro de Osório?
Existem várias formas de realizar o levantamento de espécies em uma região. Uma forma bastante eficiente e de baixo impacto para o meio ambiente é a partir do registro fotográfico dos organismos. Na BioBlitz que será realizada no Morro de Osório, o levantamento das espécies será baseado principalmente nas fotografias obtidas pelos participantes, com o auxílio de especialistas. A ideia é fotografar todas as plantas, animais e fungos encontrados ao longo da trilha que será realizada no dia do evento.

Como as informações obtidas serão armazenadas?
As fotografias dos organismos obtidas serão armazenadas em um banco de imagens de acesso público, por meio do aplicativo gratuito iNaturalist. Este aplicativo permite que as imagens sejam depositadas em tempo real durante o evento, ou posteriormente, acompanhado de informações como fotógrafo, data, hora e local. Uma vez depositadas no banco de dados, as fotografias podem ser analisadas por especialistas que auxiliam na identificação das espécies. O aplicativo é gratuito e pode ser encontrado nas diferentes versões através do link: https://www.inaturalist.org/

Qual o local de encontro e a duração do evento?
O local de encontro será em frente à Escola Rural (Escola Estadual Ildefonso Simões Lopes), em Osório, às 10h de domingo (04/junho/2017). Para documentar as espécies, será realizada uma trilha pelo meio da Mata Atlântica até o mirante existente em cima do Morro da Borússia. O percurso tem aproximadamente 1 km de extensão, mas em virtude do terreno acidentado e da observação das espécies, estima-se que a trilha será realizada em cerca de 1h30min, sem considerar o tempo de retorno. Quem tiver interesse, pode levar um lanche e aproveitar a bela vista do local para fazer um piquenique ao final. O retorno poderá ser realizado pela própria trilha ou pela Estrada Prof. Romildo Bolzan.

Quem pode participar e o que é necessário levar?
O evento é aberto a todas as pessoas. A ideia do evento é exatamente reunir todos que gostam de estar em contato com a natureza e que queiram conhecer um pouco mais sobre a biodiversidade regional. Portanto, para participar basta disposição, respeito pela natureza e espírito de equipe. Como a ideia do evento é também registrar o maior número possível de espécies, os participantes são convidados a levar equipamentos que possam fazer fotografias, como câmeras fotográficas, telefones celulares ou tablets. Se possível, baixe também o aplicativo iNaturalist para depositar suas fotografias. Por fim, é importante lembrar que a trilha será realizada pelo meio da mata, sendo indicado o uso de roupas e calçados adequados (p. ex. tênis ou botas e calças compridas).

Participe !

Publicado por phott phott, 28 de mayo de 2017

Comentarios

A BioBlitz foi cancelada devido ao clima. Consulte o site nos próximos dias para conhecer a data reprogramada.

[The BioBlitz is canceled due to the weather. Check back to known the rescheduled date in the next days].

Publicado por phott hace más de 4 años (Marca)

Agregar un comentario

Acceder o Crear una cuenta para agregar comentarios.